Cassio Politi é o autor do primeiro livro sobre marketing de conteúdo no Brasil, lançado em 2013. Foi eleito em 2015 o profissional de content marketing do ano pela Digitalks. Desde 2014, é o único sul-americano a compor o seleto júri do Content Marketing Awards. É fundador da Tracto e especialista em content marketing.

Órgão federal americano endurece regras contra contas e reviews falsos

Órgão federal americano endurece regras contra contas e reviews falsos

Em marketing de influência, legitimidade é o nome do jogo. Tentar inflar números e falsear reviews não passa de mentiras. Como diz o velho ditado popular, mentiras têm pernas curtas. O problema é que a partir de agora, nos Estados Unidos, elas são ilegais também porque assim determina um órgão federal. A tendência é que o CONAR siga em algum momento a mesma linha no Brasil.

Não avisar que é publicidade vai contra lei federal, alerta advogado

Não avisar que conteúdo é publicidade vai contra lei federal, alerta advogado

Influenciadores digitais devem identificar o conteúdo publicitário. Os bons creators já fazem isso simplesmente por uma questão de lealdade ao seu público. Eles sabem que seus seguidores não querem propaganda disfarçada de conteúdo. O que você talvez não saiba é que deixar de identificar o conteúdo como publicitário é mais do que uma falha ética:…

Instagram cria funcionalidade que ajuda a dar unfollow em pessoas pouco interessantes

Instagram cria funcionalidade que ajuda a dar unfollow em pessoas pouco interessantes

Ao criar uma funcionalidade que facilita dar unfollow em conexões com as quais têm pouca interação, o Instagram quer que os usuários comuns sigam pessoas que realmente interessam. Como isso pode afetar influenciadores digitais? Para quem produz conteúdo relevante, a tendência é que afete positivamente. Afinal, os principais ativos dos bons influenciadores são justamente o conteúdo que se destaca e a capacidade de manter o público engajado.

Afinal, marcas devem remunerar influenciadores digitais ou não?

A resposta fácil para esta pergunta é “depende”, mas respostas fáceis raramente servem. Em especial, quando empresas que praticam marketing de influência têm essa dúvida na hora de planejar uma campanha. Vamos, então, para uma resposta mais certeira. A remuneração permite que a empresa tenha mais controle sobre as ações. Entretanto, se a opção for…